segunda-feira, 26 de maio de 2014

Potiguar cria a "Danela", corneta que quer substituir a vuvuzela na Copa

Ela fez bastante sucesso entre os torcedores que acompanharam os jogos da Copa do Mundo da África do Sul, em 2010. A vuvuzela, objeto que tirou muita gente do sério por causa do grande barulho que fazia, será substituída nesta Copa pela "Danela". É o que aposta André Lopes, potiguar responsável por inventar o objeto. 


Para o criador, sua invenção tem mais pontos positivos do que a rival sul-africana. Nem todo mundo consegue tocar a vuvuzela, porque você tem que fazer um jogo com sua boca e língua. Já com a Danela é simples. Um senhor de idade toca, uma senhora, uma mulher, e até um menino - afirma o inventor. 

A ideia de criar um objeto barulhento veio do outro lado do mundo, durante a Copa de 2002. Naquele ano, o Mundial foi sediado pela Coreia do Sul e Japão, e as partidas eram realizadas durante a madrugada, no Brasil. E não se engane: a intenção, segundo o inventor, é mesmo não deixar ninguém dormir. Como a Copa de 2002 era de madrugada, a gente queria uma coisa que fizesse barulho para brincarmos entre nós mesmos. A Danela consiste em dois carretéis de linha iguais. Um eu serrei em certa medida, e encaixei um no outro, depois só fiz colocar a bola de assopro - disse.
'Danela' é opção para animar torcedores durante a Copa, em Natal 
(Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

O nome Danela foi ideia do sogro de André, e veio como uma provocação à irmã mais famosa. Nós vamos dar uma surra nela, na vuvuzela. Por isso o nome é 'dá nela', Danela - brincou seu Raimundo, sogro de André. Se a invenção será aceita ou não, só poderá ser visto durante os jogos na Arena das Dunas. A capital potiguar recebe quatro jogos do Mundial. O primeiro confronto será no dia 13 de junho, entre México e Camarões.
Por GloboEsporte.comNatal
Postado por TATUTOM SPORTS

Nenhum comentário:

Postar um comentário