quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

A História se repetindo



A escritora  Raquel de Queiroz, descreve a cruel seca ocorrida em 1915, no seu romance  "O Quinze". Há exatamente 100 anos, a história se repete de forma cruel em nosso Nordeste. Claro que não podemos comparar a realidade da falta de infra-estrutura daquela época para hoje. Mas, que o sofrimento ainda é grande.
Hoje com todos os avanços tecnológicos adquiridos, tivesse avançado na mesma proporção nas políticas sociais e na distribuição de renda. Continuaria a existir a seca  é verdade,   pois a mesma é um fenômeno da natureza. Agora a pobreza, não é fruto do fenômeno da natureza, é simplesmente desumanidade do próprio homem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário