terça-feira, 10 de novembro de 2015

O JUMENTO


"Não se eleve esse jumento
Que isso é coisa muito à-toa
No caminho ele se deita
No terreiro ele se 'acoa'
Apertado na espora
Solta um peido e a merda avoa".

Postado por Fernando Caldas

Nenhum comentário:

Postar um comentário