segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

São beijos longos, abraços
Nós  dois brincando na cama
E quando diz que me ama
Aperto-o muito em meus braços.
Com o coração em pedaços
Penso em você e agradeço
Por ser grande o meu apreço,
Fico sonhando acordado
Esperando deslumbrado
À noite quando adormeço.

Andière Abreu - Majó

Nenhum comentário:

Postar um comentário