domingo, 12 de junho de 2016


sem importar-me porque te amo,
sem questionar-me porque te amo.
Te amo
simplesmente porque te amo..."
Pablo Neruda 

Nenhum comentário:

Postar um comentário