domingo, 25 de dezembro de 2016

Ontem, véspera de Natal, fui dormir cedo. Mergulhei no sono, acordei de manhã na certeza de um presente encontrar. Papai Noel não chegou, não me deu nada. Mas, mesmo assim eu desejo pra você meu velhinho, em nome dos mais pobres, dos mais humildes: Feliz Natal, Papai Noel.

Fernando Caldas

Nenhum comentário:

Postar um comentário