quarta-feira, 27 de agosto de 2014

ASSU NO CENÁRIO POLÍTICO NACIONAL

Por Fernando Caldas

Me ufano em dizer que o município do Assu/RN é uma terra de muita importância. Muitos dos seus filhos ilustres participaram de grandes decisões políticas da nação brasileira desde os tempos da monarquia como, por exemplo, com Francisco de Brito Guerra - Padre Guerra (1877-1845) nascido no povoado de Campo Grande, Vila do Assu. Padre Guerra foi "o primeiro e único potiguar a exercer tão alto cargo na câmara alta (1837-1845)", o que representa hoje o cargo de senador da república, durante todo o período monárquico, além de João Carlos Wanderley que exerceu no Rio de Janeiro o cargo de deputado geral (hoje federal) ainda no tempo do Brasil império, em 1852. Por sinal. Padre Guerra e João Carlos foram também deputados províncias do Rio Grande do Norte. João, além de deputado geral e provincial chegou a ser presidente da província do Rio Grande. Guerra foi também deputado geral e, quando "criadas as Assembleias Provinciais pela Lei de 12 de agosto de 1834, veio o Pe. Guerra da Corte, onde exercia o mandato de deputado geral para instalar e pôr em funcionamento nossa Assembléia Legislativa, da qual também foi seu primeiro presidente". Por fim, Manoel Montenegro Neto também de família assuense veio a assumir a Câmara dos deputados do Brasil por um pequeno período, no início da década de noventa. Fica o registro.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário