quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Museu »Instituto Ricardo Brennand é eleito o melhor museu da América do SulCentro Cultural, localizado na Várzea, Zona Oeste do Recife, foi reconhecido pelo Travelers' Choice Museums 2015

Viver/Diario - Diario de Pernambuco
Publicação: 30/09/2015 15:00 Atualização: 30/09/2015 15:00

O Instituto Ricardo Brennand também foi eleito o melhor museu da América do Sul no ano passado. Foto: Ricardo Fernandes/DP/DA Press
O Instituto Ricardo Brennand também foi eleito o melhor museu da América do Sul no ano passado. Foto: Ricardo Fernandes/DP/DA Press

Pelo segundo ano consecutivo, o Instituto Ricardo Brennand foi eleito o melhor museu da América Latina e o 19° melhor museu do mundo, pelo Traveler’s Choice Museums, do TripAdvisor, considerado o maior site de viagens do mundo. 

Tomando por base a opinião dos usuários mensais do site, foram eleitos 591 ganhadores, distribuídos em listas destinadas à Ásia, à Europa, à América do Sul e a alguns países como Canadá, Inglaterra e Estados Unidos. A entrega do título coincide com o mês de aniversário do IRB, que em 2015 completa 13 anos de funcionamento. Para Ricardo Brennand, idealizador do espaço, a inclusão de um museu do Nordeste do país em patamar internacional é um dos pontos mais importantes da conquista. “Esse sonho foi possível pelo apoio que obtive de minha família, meus amigos, minha equipe e minha gente”, afirmou Brennand.

O espaço reúne biblioteca, pinacoteca, galeria, capela e parque de esculturas. Fotos: Arquivos DP
O espaço reúne biblioteca, pinacoteca, galeria, capela e parque de esculturas. Fotos: Arquivos DP

O INSTITUTO
O IRB foi inaugurado em 2002, na Várzea, Zona Oeste do Recife, idealizado pelo colecionador e empresário Ricardo Brennand, que instalou pinacoteca no local. Além dela, o complexo cultural abrange o Castelo São João, uma galeria, uma biblioteca, o Parque de Esculturas dos Jardins e a Capela Nossa Senhora das Graças, onde são realizados casamentos de famílias tradicionais da sociedade pernambucana. Mais de 2,2 milhões de visitantes já visitaram o espaço nos últimos 13 anos. As visitas são gratuitas uma vez por semana, às terças-feiras. Nos outros dias, custam R$ 20 (inteira).

São quatro exposições permanentes no Instituto Ricardo Brennand, além de mostras eventuais. Na biblioteca, são 60 mil títulos, entre partituras, documentos, dicos e mapas, além de folhetos do Brasil Holandês. Atualmente, está em cartaz a exposição Paisagens Brasileiras, com cerca de 200 obras de artistas como Debret, Castagneto e Calixto, com paisagens de capitais brasileiras do início do século 20.

SERVIÇO:
Instituto Ricardo Brennand

Onde: Engenho São João, s/n, na Várzea (Alameda Antônio Brennand)
Funcionamento: De terça a domingo, das 13h às 17h.
Quanto: R$20 (inteira) e R$10 (meia) 
Informações:  2121-0352 ou 2121-0365
www.institutoricardobrennand.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário