domingo, 23 de julho de 2017

GUSTAVO VARELA: UM EXEMPLO DE CORAGEM E PERDÃO


Diante do que tenho vivido desde que fui diagnosticado como portador de câncer e tive que involuntariamente enfrentar todos os contratempos que a doença proporciona, emocional, social e financeira, alguns fatos ficarão gravados na minha memoria e dos meus familiares eternamente.
São muitos os casos pra tão pouco tempo, são muitas as decepções pra tão pouco tempo, são muitos os poucos amigos ora revelados pra tão pouco tempo.
Apesar de tudo, são tantas as descobertas que consola e nos torna mais humano que me pergunto por vezes se o sofrimento compensa para apaziguar certos rancores e magoas que teimam em atrapalhar a nossa vida.
Quero de público citar um fato que se tornou público por ter sido protagonizado por mim nesse mesmo espaço do blog que escrevo.
Fui infeliz ao tratar um fato de puro cunho jornalistico e má interpretação das partes envolvidas, levado pela emoção, partindo para agressões desmedidas escritas nesse blog.
O fato gerou um processo judicial e culminou com a minha condenação gerando um pagamento de determinada quantia ao requerente.
Já em tratamento de radioterapia e quimioterapia, vejo na minha janela de bate-papo no Facebook a seguinte mensagem enviada por Gustavo Varela ” Bom dia, boa tarde ou boa noite. Não sei de que horas você irá ler essa mensagem. Mas estou enviando sem ressentimento, movido unicamente por uma ação de Deus. É Ele que tem me impulsionado a entrar em contato com você para dizer que estou orando pela sua recuperação. Faço isso do modo mais sincero e verdadeiro que possa existir. Espero que o Senhor restaure a sua saúde e principalmente a sua alma. Fique em Paz. Fique bem. Que Deus te abençoe. Gustavo Varela”.
Um mês depois recebo uma ligação da minha amiga e advogada Dra. Rayssa Fonseca me informando que o processo em discussão foi arquivado.
Diante de tais fatos me vejo na obrigação de tornar público o gesto de Gustavo Varela e agradecer a solidariedade humana nesse momento difícil por que passo, que me fez refletir sobre a vida enquanto vida.
Obrigado.
José Regis de Souza
REGIStrando

Nenhum comentário:

Postar um comentário