sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

LUIZINHO CALDAS, UM GLOSADOR

Luiz Lucas Lins Caldas Neto  - Luizinho Caldas como era conhecido na intimidade, nasceu no povoado denominado Sacramento, então distrito de Santana do Matos, atual Ipanguaçu, cidade coirmã do Assu, porém viveu quase toda a sua existência na cidade assuense. Naquela terra ipanguaçuense, Luizinho, candidatou-se a prefeito nos idos de cinquenta, sem obter sucesso, contra o Major Manoel de Melo Montenegro, de quem é primo próximo pelo lado da família Lins Caldas. Foi funcionário do Fomento Agrícol, em Natal. Herdou dos Lins Caldas a arte da prosa e do verso. A sua preferência para versejar era a décima (glosa). Senão vejamos:

Só falta usar maçarico

Instrumento de arrombar
E o povo fica a clamar
É pena o Brasil tão rico.
Com esta gente eu não fico
Quero servir de espião
Mas, todo esforço é em vão
Rouba governo e prefeito
Para o Brasil não há jeito
Com tanto filho ladrão.

E esta outra transcrita abaixo, é também de sua autoria:

Certa coisa que já fiz
Com uma jovem em segredo
Revelar até faz medo
Eu não digo, ela não diz
É que eu quis e ela quis
Só podia acontecer
Mas, o bom é não dizer
Com quem isto aconteceu
Ela não diz e nem eu
Quem é que pode saber?^

(Fernando Caldas)

(Em tempo: O citado poeta é avô paterno de Fernando Caldas, editor deste blog)
Ai, ai! que o vinho da verdade amarga.

(Caldas, pensador potiguar)

Futebol - Arena das Dunas fica de fora do jogo de estreia do Brasil nas Eliminatórias da Copa

Arena de Pernambuco foi a escolhida para sediar a partida no dia 27 de março, quando a Seleção estreará contra a Bolívia
Arena das Dunas estava na disputa junto com outros três estádios do Nordeste
A Arena das Dunas está fora da rota da Seleção Brasileira para o jogo de estreia das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, no Catar. Os locais dos jogos da Seleção foram divulgados nesta nesta sexta-feira (31) pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).
A Arena de Pernambuco foi a escolhida para sediar a partida no dia 27 de março, quando o Brasil estreará contra a Bolívia, adversário que a Seleção Canarinho enfrentou em 2016, quando goleou o time boliviano por 5 a 0, pelas Eliminatórias de 2018.
No começo deste mês, a CBF havia decidido que o primeiro jogo do Brasil nas Eliminatórias seria no Nordeste. Natal, Salvador (BA), Recife (PE) e Fortaleza (CE) estavam na disputa para sediar a partida.
Confira os locais de jogos da Seleção nas Eliminatórias da Copa de 2022:
27/03/2020 – Brasil x Bolívia (Arena PE)
03/09/2020 – Brasil x Venezuela (Mané Garrincha)
13/10/2020 – Brasil x Argentina (Arena Corinthians)
12/11/2020 – Brasil x Equador (Fonte Nova)
30/03/2021 – Brasil x Peru (Beira-Rio)
08/06/2021 – Brasil x Uruguai (Maracanã)
02/09/2021 – Brasil x Colômbia (Morumbi)
12/10/2021  –Brasil x Paraguai (Arena da Amazônia)
11/11/2021  – Brasil x Chile (Mineirão)



Agora RN

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Rio Grande do Norte é destaque em revista de turismo na Alemanha

 

 Praia de Ponta Negra / Foto | Reprodução/Brasilien Insider

A cidade do Natal e a praia de Pipa ganharam matérias especiais na publicação alemã

segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Não sei o que o amanhã trará.

Fernando Pessoa
A nim que  importa
Dizer-te linda. (!)
Dizer-te linda?
Digo´-te morta.!

A mim é o mesmo, que nisso importa
Ser morta ou linda.

João Lins Caldas



Renato Caldas quando esteve em Pedreiras, atual Lima Campos, alguém lhe pedira para que ele, Renato, escrevesse um verso enaltecendo aquele município brasileiro. Escreveu o poeta, para decepção do amigo:

Jardim de pedras imensas
No engate da pedra bruta
Quem disse que esta merda presta
É um grande filho da p...

sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

Só na mão da tristeza se demora
Esta alegria que me vem chorando.
Pararei algum dia; e, a quando e quando,
sobre o meu sonho nascerei aurora.

João Lins Caldas

SORTE MESQUINHA

Waldemar Campielo Maresco e João Teixeira Filho foram prefeitos do município de Carnaubais, então Vila de Santa Luzia, que até 1963 pertencia ao município do Assu. Pois bem, o ex-vereador daquele município, o ativista político e blogueiro Aluízio Lacerda depõe que na década de 70, o poeta violeiro, cordelista chamado Alípio Tavares desencantado com a falta de atenção dos poderes constituídos à época em Carnaubais, estava realizando uma cantoria de pé de parede, vendo a fraqueza dos políticos que não compareciam com sua contribuição ao prato exposto na sala, versejou em tom de desabafo:

Carnaubais quando era Vila
Alguma coisa ainda tinha
Depois que passou a cidade
Entrou numa sorte mesquinha
É saindo Valdemar 
Entrando Teixeirinha


E a cantoria fora encerrada com risos dos circunstantes.

"VELHOS TEMPOS... BELOS DIAS"

 
Recorte do jornal Tribuna do Norte, de Natal.

UMA GLOSA DE MOYSÉS SESYOM

Certa vez, Moysés Sesyom se encontrava num certo botequim da cidade de Assu, tomando 'umas e outras, claro, alguém lhe dera um mote: Bebo, fumo, jogo e danço. Sou perdido por mulher! - Não deixando para depois, Sesyom versejou:

Vida longa não alcanço
Na orgia ou no prazer
Mas, emquanto eu não morrer
- Bebo, fumo, jogo e danço!
Brinco, farreio, não canço.
Me censure quem quizer
Enquanto eu vida tiver
Cumprindo essa sina venho.
E, além dos vício que tenho
- Sou perdido por mulher!...

Em tempo: O citado poema fora publicado em "A República, de Natal, edição de 11/4/1942.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Choro as dores de quem não pode
e não consegue conter esta revolta.
Sufoco os gritos na garganta
e sinto as palavras a fragmentarem-se dentro de mim.
A transformarem-se
talvez noutra matéria, talvez mais livres.
Como águias a planarem,
sem terem limitações, sem idade.
Como se o mundo de repente
se tornasse mais leve e mais justo, como se deixassem de ter corpo e, de repente,
tivessem todas as possibilidades do céu.
Ilusões que levam à revolta.
E clamo, não um clamor sem sentido
mas de dor que corrói como ácido.
Mais como um apelo à consciência
de quem poder me ouvir.
Não se pode conviver nem compactuar com esta insensatez.
Com esta anarquia , de mentes tardias e vazias
que não têm memória.
Assim atiro frases em volta,
cega de angústia e de revolta.


Cristina Costa, poetisa portuguesa



A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e close-up
Gargalheiras. Manhã deste dia 23/01/20! Foto de Ambrósio Santana.
O professor, poeta e escritor assuense Francisco Costa assumiu hoje (23/1), a função de Assessor da Presidência do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte - IHGRN, cujo cargo dignifica Costa, o Assu e sua gente. O blog parabeniza Francisco Costa que além de membro do IHGRN é também sócio fundador da Academia Assuense de Letras, cuja instituição foi seu presidente.

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Ninguém se perde no caminho da volta porque voltar é uma forma de renascer.

(José Américo de Almeida, foi governador da paraiba, Ministro da Aviação no governo de Getúlio Vargas, autor do famoso romance intitulado "A Bagaceira").

Ninguém se perde no caminho da volta, porque voltar é uma forma de renascer.como criar uma loja
Ninguém se perde no caminho da volta, porque voltar é uma forma de renascer.meu ip
Ninguém se perde no caminho da volta, porque voltar é uma forma de renascer.meu ip

https://cdn.pensador.com/img/frase/di/vi/divina_ribeiro_nunca_deixe_que_as_cicatrizes_da_vida_ap_l90pjg7.jpg

" Só se vê bem com o coração, o essencial é invisível aos olhos..."

António de Saint Exupéry

domingo, 19 de janeiro de 2020

Quem aceita o mal sem protestar, coopera com ele.... Frase de Martin Luther King.

Empresa da Austrália descobre minério raro em cidade do Piauí



Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 18/01/20
 

A empresa australiana Riverbank Resources Mineração descobriu um novo minério no Piauí, o vanádio. A secretária estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Sádia Castro, informou que a mineradora Riverbank Resources  Mineração, solicitou autorização para fazer pesquisa de minérios na região dos municípios de Anísio de Abreu e Caracol (607 km de Teresina).

O Mapa dos Minérios do Piauí do Departamento Nacional de Pesquisas Minerais (DNPM) e o Mapa de Potencialidades do Piauí, do Governo do Estado, destacam existência de minas de ferro e fosfato em Anísio de Abreu, mas não vanádio. Anísio de Abreu e Caracol ficam próximos da Bahia, onde desde 2014, é explorado o minério.

Desde maio de 2014, o Brasil se inseriu no seleto grupo de países com expressiva produção de vanádio com a abertura da mina Menchen Maracás, da mineradora Largo Resources. Sua capacidade de produção anual é da ordem de 9,6 mil toneladas de pentóxido de vanádio (equivalente a 5,5 mil toneladas de vanádio por ano), estimando que entre 80 e 90% serão exportadas.

 


Antes, o  Brasil era anteriormente importador líquido de vanádio, tendo importado 929 toneladas da liga ferro-vanádio em 2014.

A mina de vanádio de Maracás, na na Bahia,  tem uma característica especial: o alto teor de vanádio contido – 1,34%, contra 0,5% em algumas das principais minas do mundo –, garantindo um baixo custo de produção e sendo um ativo de classe mundial, o que assegura alta competitividade à empresa.

A Largo Resources  tem na Bahia  o mais moderno forno do mundo presente em uma mineradora de vanádio, com 90 metros de comprimento e 4,2 metros de diâmetro interno e capacidade de processar 1.060 toneladas de minério concentrado por dia.

Os benefícios do grau e qualidade do minério (altos teores) e do concentrado (baixos custos operacionais) são tão significativos que garantem a essa empresa, significativas vantagens de custo sobre os demais produtores em todo o mundo (estimado na ordem de US$ 2,10 por libra-peso, enquanto o preço no mercado está em torno de US$ 5 por libra-peso.

Os investimentos iniciais foram  de R$ 550 milhões,  gerando cerca de 700 empregos diretos e 2.100 indiretos e uma expectativa de receita superior a R$ 300 milhões por ano.

A vida média útil da mina do Projeto Maracás está estimada em 29 anos. Na região de mineração Capivara, a de Anísio de Abreu e Caracol, tem um enorme potencial para a expansão das reservas e das futuras taxas de produção.

Além do potencial de produção de vanádio, foram descobertas zonas que contêm camadas de cromita com sulfetos. A Largo Resources possui outros dois projetos no país, em Currais Novos (RN), de tungstênio, e em Campo Alegre de Lourdes (BA), com reservas de minério de ferro, titânio e vanádio.

Em 2013, a produção mundial do vanádio foi de 136 mil toneladas (China: 70 mil toneladas; África do Sul: 35 mil toneladas  e Rússia: 14 mil toneladas.

O mercado mundial de vanádio movimenta cerca de US$ 2,3 bilhões por ano. A mina de  Maracás é de 8% desta produção. O município de Maracás concentra a principal reserva de vanádio no Brasil.  A BMIX, da   Brazil Minerals, anunciou  a aquisição de áreas com ferro, titânio e vanádio no Piauí e em outras unidades da federação para avaliar a viabilidade dos projetos.

Em 2013, as reservas mundiais, em termos de metal contido, corresponderam a 14 milhões de toneladas, sendo que as reservas brasileiras representaram 1,27% deste total. As maiores reservas no mundo, que estão sendo lavradas, localizam-se na China (5,1 milhões de toneladas), Rússia (5 toneladas) e África do Sul (3,5 toneladas ). Em 2013, a produção mundial de minério, em termos de vanádio contido que ocorre como coproduto ou subproduto, atingiu 75.600 toneladas.

Resistente a choques e à corrosão, o vanádio é utilizado para dar aumentar a resistência das ligas de aço, reduzindo a quantidade final de aço necessário ao seu uso. A elevação do consumo específico de vanádio nos aços produzidos para construção na China poderá elevar a demanda desse insumo a ponto de alterar a dinâmica do mercado e impactar fortemente na elevação das cotações.

O maior aproveitamento do vanádio, associado ao petróleo ou a outras fontes, pode reduzir as cotações, elevando a oferta. O aproveitamento do vanádio no processo de produção da alumina é uma outra fonte que tem um potencial ainda desconhecido. A China, em 2006, consumia 20% do vanádio mundial. Em 2012, atingiu 34%, com tendência de elevação por causa da regulação dos aços utilizados na construção civil.

O vanádio também  é usado como aditivo, importante para fabricação de instrumentos cirúrgicos. Misturado com alumínio em ligas de titânio para motores de jato e células de alta velocidade. Serve ainda para fabricação de baterias recarregáveis e ímãs supercondutores.

Fonte: Efrém Ribeiro\Meio Norte
De:  http://cidadesnanet.com/news

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

A Lua que me dirão?
Precisa talvez de irmão.

Eu sou tão só sobre a Terra,
Tanta luta, tanta guerra...
A Lua, que me dirāo?

Se a Lua precisa irmāo
Eu já que abandono a Terra.

(João Lins Caldas)

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Natal é a capital do Nordeste mais desejada por turistas brasileiros em 2020, aponta Google


Levantamento realizado pelo Google Hotéis sobre os destinos mais populares pesquisados para 2020 aponta Natal como o 8º destino mais procurado por turistas brasileiros. A capital potiguar é a cidade da região Nordeste mais bem colocada na lista.

O lugar mais pesquisado pelos brasileiros é Londres. Além da capital inglesa, Paris, na França, e Orlando, nos Estados Unidos, aparecem entre os 10 destinos mais pesquisados. Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Florianópolis, Santos e Belo Horizonte também entre as mais lembradas.
 
 A alta do dólar pode ser apontada como fator importante para a procura dos brasileiros por viagens internas.

Foram analisadas as pesquisas do Google Hotéis feitas entre janeiro e dezembro de 2019 para datas em 2020 e comparado com pesquisas realizadas no mesmo período de 2018 para datas em 2019.
Anúncios
 
Quando a pesquisa é feita por turistas de todo o mundo, apenas São Paulo aparece entre as 10 cidades mais lembradas. A capital paulista é a segunda da lista, desbancando destinos como Tóquio, Tel Alviv, Viena e Dubai.

10 destinos que viajantes brasileiros estão mais interessados em 2020

Londres, Inglaterra
Rio de Janeiro, Brasil
São Paulo, Brasil
Brasília, Brasil
Florianópolis, Brasil
Santos, Brasil
Paris, França
Natal, Brasil
Orlando, Estados Unidos
Belo Horizonte, Brasil

Lágrima!

 

Por Marai Eugênia Montenegro, poetisa do Assu


Pérola salgada,
A rolar, desesperada,
Pelos sulcos da face.
Amálgama de sal e água,
A rolar, sempre sentida,
Pelo salso mar da mágoa!
Por Nivaldete Ferreira
Mulheres são trágicas
Mulheres são cômicas
Mulheres são tétricas
Mulheres são jubilas
Mulheres são góticas
Mulheres são plânulas
Mulheres são púticas
Mulheres são ângelas
Mulheres são cáusticas
Mulheres são sêdicas
Mulheres são vândalas
Mulheres são óperas
Mulheres são úteras
Mulheres são sáfaras
Mulheres são sádicas
Mulheres são másocas
Mulheres são mátricas
Mulheres são abórticas
Mulheres são cálidas
Mulheres são glácidas
Mulheres são tímidas
Mulheres são bélicas
Mulheres são sônhicas
Mulheres são algébricas
Mulheres são cúmplices
Mulheres são trânsfugas
Mulheres são fêmicas
Mulheres são mênicas
Mulheres são lúnicas
Mulheres são sômbreas
Mulheres são únicas
Mulheres são híbridas
Mulheres são fraternas
Mulheres são infernas
Mulheres são polêmicas
Mulheres são poêmicas!
(poema inédito)


domingo, 12 de janeiro de 2020

De: Francisco Martins

Fernando Caldas boa tarde! Lembra-se daquele texto que falei? Encontrei. Publique em seu blog, é um plágio sobre o poema de Renato Caldas. Esta mensagem só eu e você podemos ler.

Nenhuma descrição de foto disponível.


Nenhuma descrição de foto disponível.

Do blog: O poema que o poeta Alfredo Silva plagiou, do poeta Renato Caldas, segue:

Menina me arresponda,
Sem se ri e sem chorá:
Proquê você se remexe,
Quando vê home passá?
Fica toda balançando,
Remexendo, remexendo,
Penso tarvez qui nós véio,
Num tem oio e nem tá vendo?
Mas se eu fosso arturidade,
Se eu tivesse argum valô,
Eu botava na cadeia,
Esse teu remexedô.
Adispois dele tá preso,
Num lugá bem amarrado,
Eu pedia minha nêga,
Remexe pro delegado.
Fernando Caldas boa tarde! Lembra-se daquele texto que falei? Encontrei. Publique em seu blog, é um plágio sobre o poema de Renato Caldas. Esta mensagem só eu e você podemos ler.

Alba Fonseca de Sá Leitão

Morreu Alba Leitão. Hoje. Desaparece   com ela uma época. Alba Leitão personificou o glamour, em Assu, por muitos anos.   Ela foi ...